MÍDIA etc

Ricardo Largman

Ricardo Largman

Jornalista

Jornalista formado pela PUC-RJ em 1982, é crítico de cinema, consultor de Comunicação e assessor de Imprensa do Instituto IBMEC

e-mail: ricardo@solari.net.br

Quanto vale a sua curtida?

Pouco tempo atrás, uma atriz da TV “acidentalmente” curtiu o post no Facebook de uma nova marca de batom. Não era uma atriz qualquer. Além de jovem e famosa, à época já contava com mais de dois milhões de seguidores. Horas depois do tal “like”, o estoque completo...

ler mais

“Velhos” – mas antenados – cães de guarda

Não sei quanto a você, seus pais ou avós, mas os norte-americanos com mais de 65 anos estão utilizando smartphones para receberem notícias. Cada vez mais, e não é pelas redes sociais. Ao contrário. De acordo com uma pesquisa do Pew Research Center, entre os meses de...

ler mais

Futuro: o Brasil chega lá?

O iOS 11, sistema operacional que estará disponível para iPhones e iPads em setembro, é de fato inovador em diversos aspectos. Não por acaso, recebeu ampla exposição da mídia na cobertura da Apple Worldwide Developers Conference (WWDC), nessa segunda-feira, 5. Para...

ler mais

Adolescentes: apenas 12% sabem o valor do dinheiro

Queremos saber como será o futuro dos adolescentes, de nossos filhos e netos, não é mesmo? A julgar pelo resultado da mais recente pesquisa do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), realizada pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento...

ler mais

Ninguém está invisível. Nem off-line

Por este blog – mas também por “dever de ofício” – leio meia-dúzia de jornais impressos brasileiros, quatro revistas semanais e uma quinzenal, além das edições digitais de Financial Times, The New York Times e The Washington Post. Leio na transversal, mas leio. As...

ler mais

Você ainda sai para jantar?

Se sim, está virando ponto fora da curva – além de um consumidor velho e exigente. De acordo com a recente pesquisa do The NPD Group, as pessoas têm procurado cada vez mais os serviços de entrega de restaurantes. Em 2016, no mundo inteiro, e isso inclui o Brasil, nada...

ler mais

Cirurgia na tela de um smartphone. E por US$ 85

Em sua casa, numa madrugada como outra qualquer, o médico norte-americano John Langell foi chamado para uma emergência. O quarto estava escuro e, para não acordar a esposa, ele usou a lanterna do seu iPhone para encontrar a roupa e se vestir. E ficou admirado com a...

ler mais

Imprensa isenta

Em tempos de pós-verdade e dos tribunais de justiça das redes sociais, a chamada Grande Mídia saiu da zona de conforto. Teve que sair. Mais do que ser e parecer isentos, os grandes veículos da Imprensa precisam explicar para o distinto público como se dá a tal...

ler mais

Push, mas não empurre

Você recebe, vê na tela do seu celular, do seu tablet e do seu computador, abre, mas nem sabe direito como é que funciona essa coisa de “Push Notification” (ou “Notificação Push”). O nome diz tudo: “push” quer dizer, neste caso, “empurrar goela abaixo” mensagens –...

ler mais

Que tal se hospedar num castelo… pela Airbnb?

Para quem não sabe, tudo começou em 2007. Naquele ano, o estudante de design Joe Gebbia e seu colega Brian Chesky decidiram sair de seus empregos e se mudaram para San Francisco. Cidade linda, mas muito cara. O tempo passou, o dinheiro acabou e, para piorar, o aluguel...

ler mais

A dieta mais saudável do mundo

Anote aí: carne de capivara, anta e porco selvagem, um pouco de peixe, bastante nozes, arroz, milho, mandioca e bananas. Muito carboidrato. É sério: pesquisadores dos Estados Unidos descobriram que, seguindo a dieta acima, os índios tsimanes – tribo da Amazônia...

ler mais

Privacidade Zero

Sim, sua privacidade foi para a Cucuia quando você decidiu entrar em redes sociais como Twitter, Facebook e Instagram. Mas, como se sabe, nada é tão ruim que não possa piorar. Muito em breve suas preferências de navegação também estarão à disposição de qualquer um:...

ler mais

O touro vai virar urso?

Vamos falar de bolsa de valores? Mas de bolsa de valores de gente grande, como a de Nova York. No ano passado, a New York Stock Exchange (NYSE) contava com mais de 2.400 empresas listadas num mercado de capitais estimado em US$ 20 trilhões. Mexer com esses números não...

ler mais

Agora o Facebook vai invadir seu cérebro

Entrar na mente de outras pessoas é um poder restrito a heróis e vilões dos quadrinhos da Marvel e dos filmes de ficção científica. Ou era. Já tem gente querendo tomar o lugar do Professor Xavier fora das telas. Gente graúda. Gente como Mark Zuckerberg, o...

ler mais

Dr. Google: agora você pode confiar

Depois que surgiu o Google, a máxima “De médico e de louco todo mundo tem um pouco” ganhou outra dimensão. Por meio do mais poderoso buscador da internet, as pessoas passaram a pesquisar doenças, remédios, exames e, principalmente, sintomas, como se estivessem numa...

ler mais

Apertem os cintos: o CEO sumiu

O tema deste blog na semana passada foi a participação das mulheres na liderança das grandes empresas dos Estados Unidos. Pois bem, você já imaginou uma empresa sem um líder? Sem o tal CEO? A DPR Construction, a Peakon e a fabricante suíça de relógios e artigos de...

ler mais

Mulheres no poder! Em 2055…

A notícia é boa, mas poderia ser muito melhor: o número de mulheres sentadas à mesa em salas de reuniões corporativas (nos Estados Unidos) está aumentando, embora muito lentamente. É o que revelou um recentíssimo estudo feito pela empresa de pesquisa Equilar: cerca de...

ler mais

Um e-mail com precisão militar

Você é um militar? Nem eu. Nada contra. E ao contrário: neste caso, como em muitos outros, trata-se de um profissional com talentos intelectuais elevados. O “neste caso” é escrever um e-mail de forma e no tamanho corretos – especialmente num momento em que os...

ler mais

Netflix (quase) imbatível

O investimento pesado em conteúdo próprio (séries e filmes originais), que ocupa algo próximo de 50% de seu catálogo, correspondeu às melhores expectativas: a Netflix não é mais apenas o canal de entretenimento “on demand” via streaming mais conhecido e acessado dos...

ler mais

Listinha de previsões para 2017

Já é tradição: virou o ano, jornais e revistas do mundo inteiro apresentam suas listinhas de previsões para os próximos 12 meses. À parte os nomes de quem vai casar ou separar em Hollywood (ou na TV Globo), é possível garimpar muita informação interessante nas...

ler mais

Um iPhone chamado Ferrari

O ano de 2017 começou repleto de rumores. Um deles – para todos os applemaníacos do planeta, como eu – é particularmente impactante. De acordo com o microblog chinês Sina Weibo, a Apple planeja lançar em setembro um novo e revolucionário modelo de iPhone. Como a data...

ler mais

Nova bolha imobiliária?

Ainda sem muito alarde, os Estados Unidos têm experimentado nos últimos meses uma escassez contínua e crescente de residências para compra ou mesmo aluguel. Paralelamente, o sonho da casa própria de muitos norte-americanos fica ainda mais longe neste momento em que a...

ler mais

Zuckerberg para presidente?

Duas curtinhas, porque é véspera da noite de Natal... Os jornais Financial Times, The Guardian e a agência de notícias Bloomberg tiveram acesso a documentos confidenciais que sugerem: o todo-poderoso CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, pretende investir alto em suas...

ler mais

Ross, um juiz de que o Brasil tanto precisa

Depois das fintechs, é a vez das lawtechs. Já ouviu falar num robô chamado Ross? Ele foi definido como o primeiro advogado “formado” com base em inteligência artificial. Na realidade, trata-se de uma máquina poderosa, que utiliza a rapidez, a lógica, a eficiência e o...

ler mais

Isto aqui (o Facebook) é uma perda de tempo

Essa é a opinião de pelo menos três em cada quatro amigos de seu perfil. De acordo com a mais recente pesquisa do Kaspersky Lab, empresa russa especializada em segurança e soluções digitais, a maioria das pessoas – 78% da amostra global; 73% entre os 887 brasileiros...

ler mais

Netflix, agora off-line

A notícia é de ontem, mas nem todos os meus três leitores devem ter lido. E se me interessa, deve interessar a muita gente: Netflix libera download de vídeos no smartphone. Não é bom? Imagine a situação: sexta-feira, dia bonito no Rio de Janeiro, você vai passar o fim...

ler mais

Sono, artigo de luxo

Quantas horas você dorme, em média, por noite? Você é daqueles que reclamam que dormem pouco? Pouco quanto? Bem, se você não mora no Japão, já é um consolo. De acordo com uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar japonês, quase 40% dos adultos...

ler mais

Chip no cérebro, como em “Black Mirror”

“Black Mirror”, temporada I, episódio “The Entire History of You”. Casais de 30 e poucos anos se divertem relembrando cenas captadas – minutos, horas, dias e anos antes – pelos olhos de cada indivíduo. As imagens são reproduzidas nas telas graças a um chip implantado...

ler mais

Top model aos 80

Não, não mudei o público-alvo do blog, como a minha mulher estava suspeitando. A história desse senhorzinho aí das fotos é que não poderia passar batida. Ela viralizou na rede social chinesa Weibo e, no Ocidente, mais recentemente, depois da matéria on-line do The New...

ler mais

Tuam

Não esqueço aquela placa a caminho de Galway, na Irlanda: Tuam. Nome diferente... Que tipo de cidade seria essa? – questionei à minha mulher. Entramos muito rapidamente no Google e descobrimos que a localidade existia desde a Era do Bronze, foi importante nos séculos...

ler mais

Com 5 dólares você já investe na Bolsa de NY

Para quem dispõe de apenas alguns poucos dólares por mês, investir no mercado de capitais nos Estados Unidos sempre foi um sonho distante. Não mais. Graças ao aplicativo Stash (https://www.stashinvest.com), com 5 dólares já é possível aplicar em fundos negociados na...

ler mais

Fiquem com suas famílias

O recado foi dado pelo vice-presidente de Marketing do Mall of America, Jill Renslow. O que há de estranho na mensagem? Bem, o Mall of America é o maior shopping da nação mais consumista do mundo, os Estados Unidos, e Renslow sugere aos seus 15 mil funcionários...

ler mais

Paul Krugman na Airbnb; Jeffrey Sachs na Amazon

O sonho de todo economista é, quem sabe, um dia lecionar em universidades como Harvard Business School, Yale, MIT ou Berkley. Era. De uns anos para cá, motivados pelos altos salários das gigantes digitais – Google, Microsoft, Apple, Amazon e, mais recentemente, Airbnb...

ler mais

Baby you can drive my car

Deu ontem no Financial Times: a Apple pretende comprar a McLaren. A Apple ter um carro e equipe disputando o campeonato de Fórmula 1? Entrar no segmento de automóveis de altíssimo luxo? Não necessariamente. De acordo com as fontes ouvidas pelo jornal britânico, “o...

ler mais

Imune a vírus

Não, não faço propaganda da Apple. Mas também não vou negar: macmaníaco desde o início dos anos 1990 – do Macintosh Classic monocromático ao já ultrapassado iPhone 6s Plus, passando por pelo menos duas dúzias de computadores, tablets e celulares –, até hoje [toc-toc...

ler mais

As marcas que fazem a cabeça da Geração Y

Vocês conhecem bem os millennials, já falei sobre eles aqui. São os jovens da Geração Y: têm entre 16 e 36 anos e representam uma fatia considerável da população que consome. E eles consomem. Muito. Nos Estados Unidos, planejar o lançamento de um produto com uma...

ler mais

StarbuXXX

“Um ambiente para conversar e se sentir bem, com um senso de comunidade: um terceiro lugar, intermediário, entre o seu trabalho e a sua casa”. Essa é a tradução livre de um dos slogans da Starbucks, a maior rede de cafeterias do mundo, aberta em 1971 na cidade de...

ler mais

Pokémon Go na berlinda

Está lá, no finalzinho do “Termo de Uso”, em letras miúdas: “(...) Você está de acordo que o uso do aplicativo e o ato de jogar ‘são riscos próprios’, e é sua responsabilidade manter apólices de seguro, salubridade, perigo, lesão corporal, médico, vida e outras, da...

ler mais

Biometria promete acabar com as senhas

Criar – e, muito pior, lembrar de – senhas alfanuméricas, com pelo menos uma letra em maiúscula, que não podem trazer números em sequência e datas de aniversário: missão cada vez menos possível para os simples mortais. Aliás, nem mesmo o agente Ethan Hunt, da franquia...

ler mais

Uber: se não pode vencê-lo, una-se a ele

A notícia vem de São Paulo e, como tudo em se tratando de Uber, há quem tenha amado, há quem odeie a ideia. Líder no mercado de aplicativos para táxi no País com cerca de 35 mil taxistas cadastrados, a 99 (antes, 99táxi) passará a aceitar motoristas particulares entre...

ler mais

Engenheiros trocam Ford e GM por Apple e Google

Até bem pouco tempo, o sonho de todo e qualquer engenheiro de automóveis era trabalhar em empresas como Ford, General Motors e Toyota. Não mais. Depois que surgiram startups e grandes corporações especializadas na concepção e desenvolvimento de carros autônomos, a...

ler mais

E aí, WhatsApp?

O bloqueio – de novo! – por algumas horas no Brasil do WhatsApp, na última terça-feira, atrapalhou a sua vida? Imagine para as agências de marketing que sobrevivem do envio de mais de 10 mil mensagens por dia para empresas como Sky, Boticário, Magazine Luiza,...

ler mais

Você está sendo seguido!

Lembram da tecnologia de beacons? De acordo com as previsões da Business Insider(BI) Intelligence Research Team, em 2016 os beacons seriam cada vez mais usados como uma espécie de GPS para, por exemplo, “empurrar” ofertas diretamente aos celulares de clientes em...

ler mais

Eu, (você e o) robô

Seu filho está pensando em seguir carreira como analista de crédito ou trabalhar numa empresa de contabilidade? Demova-o da ideia: são profissões com os dias contados. Há uma segunda revolução industrial em curso, uma nova era de máquinas cada vez mais inteligentes,...

ler mais

Quem quer dinheiro?

Você ainda usa cheques? Anda com muito dinheiro vivo no bolso? Qual foi a última vez que apareceu num banco? Faz muito tempo, não é? Está com saudade da sua agência bancária? Então corra: ela, a sua agência bancária, está acabando. E de forma muito rápida. Nos Estados...

ler mais

Uber: agora você pode agendar. Em Seattle

Duas boas notícias nos últimos dias. A primeira: o Uber passou a oferecer aos seus clientes uma nova modalidade de serviço de transporte, agora por agendamento. Isso mesmo. Você pode marcar a corrida com até 30 dias de antecedência e em qualquer horário – a novidade é...

ler mais

IoT. Ou a Internet das Coisas

Num futuro não muito distante, no ano de 2020, estima-se que mais de 34 bilhões de dispositivos estarão conectados à internet*. Isso, também de acordo com as mesmas previsões, representará mais de quatro aparelhos por pessoa ao redor do mundo, de uma população global...

ler mais

Curtos ou longos?

Estudos indicam que os jovens, e também os não tão jovens, leem cada vez menos – e esse “menos” teria a ver tanto com o tempo médio dedicado à leitura quanto ao tamanho dos textos. Os responsáveis por essa inflexão educacional têm nome e sobrenome: celular e redes...

ler mais

Viajar não é só postar selfies

Para muitos, aquela sequência interminável de selfies não passa de puro narcisismo, exibicionismo gratuito de usuários pernósticos. Críticas e exageros à parte, o fato é que as redes sociais têm ajudado turistas do mundo inteiro a melhorarem – e muito – a qualidade de...

ler mais

“To google”. Mas como profissional

O verbo “googlar”, também conhecido como “googar” – ambos inspirados no inglês “to google” –, é um neologismo que significa executar uma pesquisa na internet pelo site de buscas do Google. Isso todo mundo sabe. Afinal, a American Dialect Society escolheu o verbo “to...

ler mais

The New Day m-o-r-r-e-u

“Se vai dar certo ou é apenas uma aventura jornalística de ano bissexto, saberemos em breve”, postei no dia 26 de fevereiro a respeito da estreia, três dias depois, no Reino Unido, do jornal impresso The New Day. Foi uma aventura de ano bissexto. Dez semanas se...

ler mais

É mentira, Terta?

Por força do hábito ou pelo dever de ofício, meus amigos jornalistas – que não são poucos – têm sugerido de forma recorrente aos participantes de seus perfis e grupos de discussão para, antes de compartilharem conteúdos nas redes sociais, confirmarem a veracidade dos...

ler mais

Empresa dos sonhos: salário de US$ 11,6 mil/mês

É o que ganham, em média, os funcionários da “empresa dos sonhos” dos Estados Unidos, que lidera o ranking das Melhores Companhias para se Trabalhar naquele país. Antes de revelar o nome da empresa nº 1 – não é difícil imaginar qual seria –, é importante descrever a...

ler mais

Para que dinheiro?

Previsões do Business Insider para 2016 (III - Final) (Leia aqui a parte II do artigo) Dois últimos destaques da lista de 25 previsões tecnológicas para o final de 2016 da Business Insider (BI) Intelligence Research Team. Primeiro: o futuro dos sistemas de pagamento...

ler mais

BYOD: sua empresa já tem um?

Previsões do Business Insider para 2016 (II) (Leia aqui a parte I do artigo) Outro destaque da lista de 25 grandes previsões tecnológicas para o final de 2016 da Business Insider (BI) Intelligence Research Team é o aumento expressivo da produção de aplicativos...

ler mais

Querem bloquear os “ad blockers”

Você quer passar suas férias, digamos, na Islândia. Entra na internet, procura algumas dicas no Google, mas interrompe a busca e vai dar comida para o cachorro. Volta cinco minutos depois. Abre o Facebook e – milagre! – surgem na sua tela diversos anúncios de...

ler mais

Não é mais uma simples “questão de gosto”

Veja com atenção as duas imagens de homepages abaixo. Qual das duas é mais atraente? Qual delas você acredita que atrai mais visualizações? A da esquerda, mais clássica, baseada no tradicional design dos jornais impressos, ou a outra, “modular” e moderna, com mais...

ler mais

O jornal impresso não morreu

A notícia é boa, mas vai na contramão do que se tem anunciado em relação à mídia impressa: na próxima segunda-feira, dia 29 de fevereiro, o grupo Trinity Mirror, que publica os jornais de esquerda Daily Mirror e Sunday Mirror, lançará em 40 mil bancas e revendedores...

ler mais

Quatro anônimos “resumem” a The New Yorker

A The New Yorker foi e ainda é uma das melhores e mais conceituadas revistas semanais impressas dos Estados Unidos. Sua leitura, contudo, demanda tempo – tempo de que, hoje, muitos de seus leitores não dispõem. Para esse público, justamente, é que foi criado o The...

ler mais

De início, o início

Caríssimo leitor, Começo este blog com a pretensão única de acompanhar, semanalmente, os destaques do amplo e cada vez mais imprevisível universo das mídias – impressa, onde reside minha formação clássica como jornalista, e aqui, na digital, ou eletrônica, como...

ler mais